Paulo Passos da Silveira - 1957-1963

Redigido por Meira Filho, de acordo com informações contidas na entrevista de Paulo Passos da Silveira, concedida ao Projeto Memória da EFOA, em maio de 1995.

Paulo Passos da Silveira ingressou na EFOA, na qualidade de aluno, no ano de 1928, no Curso de Odontologia, ocasião em que a dirigia o Professor Leão de Faria. O prédio da EFOA, nessa época, situava-se na Rua Artur Bernardes, onde funcionou também o Grupo Escolar “Minas Gerais” e, atualmente, a casa da família do saudoso médico Dr. Antônio Edson Rabelo. Professor Paulo Silveira graduou-se em Odontologia no ano de 1930. Cursou também Farmácia, na EFOA, tendo concluído o referido curso em 1935. Em 1931 foi convidado para dirigir a Clínica Dentária da EFOA e, em 1932, ingressou definitivamente para a carreira do magistério. Foi vice-diretor por várias vezes. Com o falecimento do diretor, Professor Pedro Martins de Siqueira, assumiu a direção. Estava à frente da direção da EFOA quando de sua federalização ocorrida em dezembro de 1960, no Governo de Juscelino K. de Oliveira. Paulo Silveira, com o apoio do também ex-professor e ex-diretor da EFOA, o saudoso grande médico e ilustre chefe político de Alfenas, Dr. Emílio Soares da Silveira, professores, políticos da cidade, do Estado de Minas e do Distrito Federal, empenhou-se para que fosse possível a federalização da EFOA e, a partir daí, deu-se a sua expansão com o decorrer do tempo. Em 1963, aposentou-se. Professor Paulo Silveira faleceu em junho de 2003, deixando uma extensa folha de bons serviços prestados à EFOA e comunidade de Alfenas. Faz, dessa forma, parte da história de nossa terra.

Colaboração:
Sebastião Meira
Servidor Aposentado da UNIFAL-MG

Paulo Passos da Silveira - 1957-1963