PPGE realiza aula inaugural com conferência do Prof. Antônio Joaquim Severino

Current Size: 100%

Versão para impressãoEnviar por email
Evento realizado no dia 08/05 abordou os desafios da pós-graduação em educação

No dia 08/05, o Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) da UNIFAL-MG recebeu Antônio Joaquim Severino (professor titular aposentado da Faculdade de Educação da USP e do Programa de Pós-Graduação em Educação da UNINOVE/SP) para proferir a aula inaugural do Programa com o título: "A pesquisa educacional em tempos de pragmatismo acadêmico: desafios da pós-graduação em educação". Além da aula, que também foi aberta aos discentes da graduação, o professor Severino participou de uma reunião com os professores do mestrado, que está iniciando seu processo de reorganização interna.

"Sendo figura emblemática na história da pós-graduação em educação no Brasil, o Prof. Severino participou do grupo que iniciou a organização desse sistema de formação de pesquisadores, no final da década de 1960, daí a sua relevante presença em nossa instituição e Programa", destacou a coordenadora do PPGE, Profa. Helena Maria dos Santos Felício.

Na conversa com os professores, o Prof. Severino abordou o histórico da pós-graduação no Brasil, do qual ele fez parte. Dentre as muitas questões abordadas, o professor trouxe significativas contribuições para que o PPGE possa caminhar no sentido de reorganizar internamente, se expandir e se consolidar como programa de referência para a formação de pesquisadores na região do Sul de Minas Gerais. Ele destacou elementos, como:

  •  a necessidade de fortalecer a identidade do programa, firmado em um projeto pedagógico, construído coletivamente, capaz de formar o novo pesquisador no campo da educação, qualificar o docente para o ensino superior e formar lideranças intelectuais;
  •  o fortalecimento de um compromisso coletivo e profissional com a pesquisa expresso na organização e funcionamento dos grupos e linhas de pesquisa.

"Na conferência aos discentes do PPGE, o Prof. Severino problematizou o percurso a ser desenvolvido pelo ingressante. Percurso este que deve ser marcado pela identificação com o projeto do Programa, pela compreensão de que na pós-graduação precisamos ser sujeitos coletivos, pela necessidade de estabelecer diálogos e interlocuções dialéticas internas e externas, e pelo entendimento que a pós-graduação é um lugar para a construção do conhecimento", comentou Profa. Helena. 

Por fim, o visitante enfatizou o fato de que não se pode perder de vista que o objetivo primordial de um programa de pós-graduação é menos a elaboração de uma dissertação e mais a formação de um pesquisador. Os programas precisam ser capazes de, por meio da atividade de pesquisa, formar discentes que possam ser autônomos e que contribuam para a produção de conhecimento relevante do ponto de vista científico e social.

Galeria de imagens

Com informações e fotos: Helena Maria dos Santos Felício, professora/coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Educação da UNIFAL-MG e André Luiz Sena Mariano professor/vice-coordenador do Programa de Pós-Graduação em Educação da UNIFAL-MG