II Curso Teórico-Prático em Citogenética Humana e Mutagênese

Unifal-MG, 30 de setembro a 04 de outubro de 2019.

Apresentação

O campo da Citogenética Humana nasceu em 1956 com a importante descoberta de que células humanas normais contem 46 cromossomos. Desde estão, este campo diagnóstico-científico e a nossa compreensão da relação entre os defeitos cromossômicos e doenças, tem contribuído com diferentes níveis diagnósticos na saúde humana. Tem se passado mais de 60 anos desde a descoberta do número de cromossomos humanos e novas técnicas têm sido descobertas desde então, variando desde as técnicas de bandeamento convencionais iniciais até a hibridação genômica comparativa de matriz molecular e variações da Hibridação In Situ com Fluorescência, atualmente utilizadas. Com a combinação destas técnicas convencionais e moleculares, a citogenética tornou-se uma ferramenta indispensável para o diagnóstico de várias doenças genéticas, abrindo o caminho para um possível tratamento. Por outro lado, muitas das alterações cromossômicas potencialmente carcinogênicas são causadas por agentes mutagênicos, os quais devem ser identificados e verificar os seus efeitos a curto, médio e longo prazo. Para isso, o campo da mutagênese realiza testes em microrganismos e organismos superiores, in vitro e in vivo, ampliando a sua atuação, buscando a aplicação de testes para o biomonitoramento humano e para avaliação de exposição a agentes potencialmente mutagênicos e seus riscos para a saúde humana. Para isso, as técnicas citogenéticas têm sido comumente utilizadas para determinação dos efeitos causados por agentes genotóxicos presentes no ambiente no DNA de organismos expostos. São procedimentos relativamente simples que podem ser feitos com amostras de órgãos ou tecidos destes organismos coletados no ambiente a ser avaliado, ou pode‐se testar as amostras do ambiente em animais criados no laboratório. Para estudos in vitro, as células em cultura são a ferramenta utilizada nestes ensaios de biomonitoramento. Assim, este curso aborda conceitos teóricos da história, evolução, arquitetura e dinâmica cromossômica, mutagênese, assim como, ferramentas utilizadas na sua aplicabilidade prática. Cabe ressaltar que este Curso, na sua segunda versão, pretende atender a demanda acadêmica, dos discentes de pós-graduação e profissionais atuantes nas diferentes áreas da saúde, tais como medicina, as ciências biológicas, biomedicina, farmácia, odontologia, enfermagem, fisioterapia, nutrição, etc.
 

Preenchimento de vagas

O II Curso de Citogenética Humana e Mutagênese é destinado a Profissionais, discentes de pós-graduação e graduação das diferentes áreas da saúde. O Curso ofertará 40 vagas, das quais 30 serão vagas destinadas discentes de Graduação e Pós-Graduação e 10 para Profissionais das diferentes áreas da saúde humana. As inscrições podem ser feitas desde o dia 29 de julho até o dia 23 de agosto de 2019. Qualquer dúvida entrar em contato ao email: oliveirapfgen@gmail.com.
 

Programação:

O nosso Curso será desenvolvido com atividades teóricas e práticas entre os dias 30 de setembro a 04 de outubro de 2019 das 7h até as 11 h e das 13 até as 17 horas, cumprindo um total de 40 horas. Todas as atividades práticas serão realizadas no Laboratório de Genética Humana da Unifal-MG, sala N619, Campus Sede - Unifal/MG
 

Conteúdo programático

Coordenação

Coordenador
Prof. Angel Mauricio Castro Gamero
 
Coordenadora adjunta
Pollyanna Francielli de Oliveira
 
Telefone: (35) 3701-9772