Uso correto de luvas

Clínica de Especialidades Médicas

 

LUVAS

 

As luvas de procedimentos não cirúrgicos devem ser utilizadas, no contexto da epidemia da COVID-19, em qualquer contato com o paciente ou seu entorno (precaução de contato). Quando o procedimento a ser realizado no paciente exigir técnica asséptica, devem ser utilizadas luvas estéreis (de procedimento cirúrgico).

As recomendações quanto ao uso de luvas por profissionais de saúde são:

  • As luvas devem ser colocadas dentro do quarto/box do paciente ou área em que o paciente está isolado.
  • As luvas devem ser removidas, utilizando a técnica correta, ainda dentro do quarto ou área de isolamento e descartadas como resíduo infectante.

 

  • Técnica correta de remoção de luvas para evitar a contaminação das mãos:

– Retire as luvas puxando a primeira pelo lado externo do punho com os dedos da mão oposta.

– Segure a luva removida com a outra mão enluvada.

– Toque a parte interna do punho da mão enluvada com o dedo indicador oposto (sem luvas) e retire a outra luva.

 

  • Realizar a higiene das mãos imediatamente após a retirada das luvas.
  • Jamais sair do quarto/box ou área de isolamento com as luvas.
  • Nunca toque desnecessariamente superfícies e materiais (tais como telefones, maçanetas, portas) quando estiver com luvas.
  • Não lavar ou usar novamente o mesmo par de luvas (as luvas nunca devem ser reutilizadas).
  • O uso de luvas não substitui a higiene das mãos.
  • Não devem ser utilizadas duas luvas para o atendimento aos pacientes, esta ação não garante mais segurança à assistência.
  • Não se recomenda o uso de luvas, quando o profissional não estiver realizando assistência ao paciente.

 

Referências para elaboração dos informes, orientações e normas