Universidade Federal de Alfenas      

IX Ciclo de Seminários

                                              

IX Ciclo de Seminários - PET Odontologia

O Ciclo de Seminários é um evento semestral onde os PETianos apresentam os temas mais atuais e solicitados pelos acadêmicos de Odontologia, levando ensino complementar de qualidade e atualizado para toda a comunidade acadêmica.

Nossas palestras: 

  • A Odontologia do Esporte

A Odontologia do Esporte é um novo seguimento da Odontologia voltado à prevenção e ao tratamento das lesões e doenças às estruturas bucais. A relação entre Odontologia e esporte está em crescente interação: atletas necessitam de acompanhamento odontológico para que problemas bucais não interfiram em sua rotina de treinamentos e competições, tratando e prevenindo doenças bucais que possam comprometer o rendimento físico. Além disso, incentivar o uso de protetores bucais indicados para determinados esportes pode reduzir traumas orofaciais. Dessa forma, a Odontologia deve estar integrada à equipe multidisciplinar que atua no cuidado à saúde do atleta.

   

 

  • Odontologia Legal: o Dentista como perito criminal

A atuação do cirurgião-dentista na área criminalista tem se expandido em todo o Brasil. A especialidade se insere no departamento de polícia com boa remuneração e as universidades têm aumentado seus investimentos para pesquisa tecnológica no reconhecimento corporal, coleta de DNA post mortem,  entre outros. O seminário contemplará sobre a história da especialidade no Brasil, sua atuação e remuneração, bem como revisão de literatura e casos clínicos sobre os métodos de reconhecimento e violência doméstica.

  

 

  • Facetas e Lentes de Contato Dental

O seminário vai abordar brevemente o histórico das lentes de contato e facetas, indicações e limitações, descrever passo a passo do procedimento de preparo e colocação das facetas, além de apresentar casos clínicos sobre o assunto

 

 

  • Odontologia nas Forças Armadas

A Odontologia tem um espaço muito amplo no mercado de trabalho, abrindo caminhos para o cirurgião-dentista escolher seguir a área que mais se identifica. Nos dias atuais, seguir a carreira no exército tem sido um sonho de muitos dentistas, porém, não é tão simples, pois exige muita responsabilidade, dedicação, persistência, coragem e disciplina. O objetivo deste seminário é apresentar os requisitos necessários para que o cirurgião-dentista ingresse no exército brasileiro como oficial, bem como suas obrigações, rotinas e remuneração. O dentista pode ingressar no exército como militar temporário ou como militar de carreira. O temporário tem duração máxima de 8 anos, iniciando como aspirante oficial e chegando até o cargo de 1º tenente. Já o de carreira, exerce o militarismo até a sua aposentadoria, iniciando como 1º tenente podendo chegar até coronel. A seleção é feita através de análise de currículo, prova, exame médico e teste físico. Além de exercer as funções básicas do cirurgião-dentista como restaurações, cirurgias, raspagem, profilaxia, o profissional deve também cumprir as obrigações militares fazendo exercícios físicos diariamente, atividades de campo, além de missões sociais. A carreira de dentista no exército é gratificante e recompensadora, entretanto, o profissional deve ingressar na escola de saúde para ter estabilidade, segurança e aposentadoria.

 

 

Além das apresentações desses temas houve um café de confraternização entre os participantes.