Sistema Solar

O sistema solar consiste em uma estrela, para nós denominada de Sol, na qual todos os objetos viajam ao seu redor, sendo esses objetos os planetas, os satélites naturais, os asteroides, os meteoroides e os cometas. Como as estrelas que há em nossa Galáxia, e nas demais também, são Sóis, algumas muito semelhantes como a nossa estrela, há probabilidade de existir outros sistemas parecidos como o nosso.

Fonte: NASA

O sistema solar está situado em um braço espiral externo da nossa Galáxia, denominada Via-Láctea (Caminho de Leite).

O termo planeta vem de errante, ou seja, aquele que não tem morada fixa, nômade.



Sol

O Sol é uma estrela anã amarela que se encontra no centro do sistema solar, e em um braço externo de nossa Galáxia, a Via Láctea. Sua massa constitui à 99,8% da massa do sistema solar. É uma bola de gás mantida unida por sua própria gravidade.

  • Idade média: ~4.5 bilhões de anos (~4.500.000.000);
  • Tipo da estrela: anã amarela;
  • Distância do centro da Galáxia: 26.000 anos luz;
  • Rotação: ~25 dias no equador e ~35 nos polos;
  • Composição: 92,1% de hidrogênio e 7,8% de hélio;
  • Temperatura no núcleo: ~15 milhões de graus Célsius (~15.000.000°C);

Planeta Mercúrio

Essa visão colorida de Mercúrio foi produzida usando imagens da campanha de geração de imagens do mapa de cores durante a principal missão da MESSENGER.

  • É um planeta rochoso, sendo o mais próximo do Sol e o menor do sistema solar;
  • Distância do Sol: ~ 58 milhões de km (58.000.000 de km), que corresponde a 0,39UA;
  • Diâmetro do planeta: ~4,879 km;
  • Duração do dia: 59 dias terrestres;
  • Duração do ano: 88 dias terrestres;
  • Atmosfera: composta principalmente de oxigênio (O2), sódio (Na), hidrogênio (H2), hélio (He) e potássio (K);
  • Gravidade: ~3,7 m/s²;
  • Temperatura: diurnas até 430°C, noturnas até -180°C;
  • Satélites naturais: não possui;
  • Anéis: não possui.

Planeta Vênus

  • É um planeta rochoso, sendo o segundo mais próximo do Sol;
  • Distância do Sol: ~ 108 milhões de km (108.000.000 de km), que corresponde a 0,72UA;
  • Diâmetro do planeta: ~12.104 km;
  • Duração do dia: 243 dias terrestres, pois o movimento de rotação do planeta é o oposto o da Terra, fazendo Sol nascer a oeste e se por a leste do planeta;
  • Duração do ano: 225 dias terrestres;
  • Atmosfera: dióxido de carbono;
  • Gravidade: ~8,87 m/s²;
  • Temperatura: ~465°C na superfície;
  • Satélites naturais: não possui;
  • Anéis: não possui.

Planeta Terra

  • É um planeta rochoso, sendo o terceiro mais próximo do Sol;
  • Distância do Sol: ~ 150 milhões de km (150.000.000 de km), que corresponde a 1,00 UA;
  • Diâmetro do planeta: ~12,742 km;
  • Duração do dia: 24 horas;
  • Duração do ano: 365 dias;
  • Atmosfera: 21% de oxigênio (O2), 78% de nitrogênio (N), e 1% de outros gases;
  • Gravidade: ~9,8 m/s²;
  • Temperatura: média de 14°C;
  • Satélites naturais: A Lua;
  • Anéis: não possui.

Planeta Marte

  • É um planeta rochoso, sendo o quarto mais próximo do Sol;
  • Distância do Sol: ~ 142 milhões de km (142.000.000 de km), que corresponde a 1,52UA;
  • Diâmetro do planeta: ~6,779 km;
  • Duração do dia: ~24 horas terrestres;
  • Duração do ano: 687 dias terrestres;
  • Atmosfera: composta principalmente de dióxido de carbono (CO2), argônio (Ar), nitrogênio (N2), oxigênio (O2) em pequena quantidade e vapor de água;
  • Gravidade: ~3,7 m/s²;
  • Temperatura: máxima de 20°C e mínima de -140°C;
  • Satélites naturais: 2, sendo Fobos e Deimos;
  • Anéis: não possui.

Cinturão de asteroides

 

O cinturão de asteroides é uma região do Sistema Solar compreendida entre as órbitas dos Planetas Marte e Júpiter, onde abriga vários objetos denominados de asteroides. O cinturão segue uma órbita ao redor do Sol, assim como os planetas, no mesmo sentido. O período de translação fica entre 3 e 6 anos terrestres.


Asteroides

Asteroide Eros

Os asteroides são objetos astronômicos rochosos que orbitam o Sol. Esses objetos não possuem uma atmosfera e são muito pequenos, por isso não denominados de planetas. Dezenas de milhares desses objetos se encontram no cinturão de asteroides, um vasto anel em forma de rosca que se encontra entre as órbitas dos planetas Marte e Júpiter. Assim como os planetas, os asteroides também transladam ao redor do Sol. Um objeto maior, tal como um planeta, pode puxar um asteroide para fora de sua órbita pela atração gravitacional, tornando-se um satélite natural de tal objeto.


Planeta Anão Ceres

O planeta anão Ceres é o maior objeto astronômico no Cinturão de Asteroides, tendo 25% da massa total do Cinturão de Asteroides, e está situado entre as órbitas dos planetas Marte e Júpiter, sendo o único planeta anão localizado no sistema solar interior. O nome Ceres vem da deusa romana do milho e das colheitas. A palavra cereal vem do mesmo nome.


Planeta Júpiter

  • É um planeta gigante gasoso, sendo o quinto mais próximo de Sol e maior do sistema solar;
  • Distância do Sol: ~ 778 milhões de km (778.000.000 de km), que corresponde a 5,2UA;
  • Diâmetro do planeta: ~170,000 km;
  • Duração do dia: 10 horas terrestres;
  • Duração do ano: 4.333 dias terrestres (aproximadamente 12 anos terrestres);
  • Atmosfera: composta principalmente de hidrogênio (H2) e hélio (He);
  • Gravidade: ~24,8 m/s²;
  • Temperatura: -110°C;
  • Satélites naturais: 79;
  • Anéis: possui.

Planeta Saturno

  • É um planeta gigante gasoso, sendo o sexto mais próximo do Sol e o segundo maior do sistema solar;
  • Distância do Sol: ~ 1.4 bilhões de km (1.400.000.000 de km), que corresponde a 9,5UA;
  • Diâmetro do planeta: ~116,000 km;
  • Duração do dia: 10,7 horas terrestres;
  • Duração do ano: aproximadamente 29 anos terrestres;
  • Atmosfera: composta principalmente de hidrogênio (H2) e hélio (He);
  • Gravidade: ~10,4 m/s²;
  • Temperatura: média de -139°C;
  • Satélites naturais: 62;
  • Anéis: possui.

Planeta Urano

  • É um planeta gigante de gelo, sendo o sétimo do sistema solar. Assim como Vênus, o sentido de rotação é de leste para oeste;
  • Distância do Sol: ~ 2.9 bilhões de km (2.900.000.000 de km), que corresponde a 19,1UA;
  • Diâmetro do planeta: ~50,724 km;
  • Duração do dia: 17 horas terrestres;
  • Duração do ano: 30.687 dias terrestres (aproximadamente 84 anos terrestres);
  • Atmosfera: composta principalmente de molécula de hidrogênio e hélio atômico, com uma pequena quantidade de metano;
  • Gravidade: ~8,9 m/s²;
  • Temperatura: mínima de -224°C;
  • Satélites naturais: 27;
  • Anéis: possui 13 anéis.

Planeta Netuno

  • É um planeta gigante de gelo, sendo o mais distante do sistema solar;
  • Distância do Sol: ~ 4.5 bilhões de km (4.500.000.000 de km), que corresponde a 30UA;
  • Diâmetro do planeta: ~49.244 km (aproximadamente 4 planetas Terra);
  • Duração do dia: 16 horas terrestres;
  • Duração do ano: aproximadamente 165 anos terrestres;
  • Atmosfera: composta principalmente de molécula de hidrogênio, hélio atômico e metano;
  • Gravidade: ~11,1 m/s²;
  • Temperatura: média de -210°C;
  • Satélites naturais: 13;
  • Anéis: possui 6 anéis conhecidos.

Cinturão de Kuiper

O Cinturão de Kuiper é uma região do espaço do Sistema Solar, com formato de um anel, que se estende além da órbita do planeta Netuno, que se encontra a 30 UA de distância do Sol, até 55 UA.

Fonte: NASA

Os cometas de curto período, que levam menos de 200 anos para orbitar o Sol, são originários do Cinturão de Kuiper, podendo haver centenas de milhares de corpos gelados maiores que 100 km e um número estimado de trilhões ou mais de cometas dentro do Cinturão de Kuiper. Vários planetas anões dentro do Cinturão de Kuiper têm luas. Um dos maiores objetos astronômicos conhecidos no cinturão de Kuiper é o Planeta Anão Plutão.


Planeta Anão Plutão

O Planeta Anão Plutão está localizado no Cinturão de Kuiper, e é o objeto astronômico mais brilhante, visto da Terra. Plutão é menor que o satélite natural da Terra (Lua). Plutão é um mundo complexo e misterioso de montanhas, vales, planícies e crateras. Plutão foi descoberto em 1930, e durante muito tempo foi considerado como planeta, sendo o nono do nosso sistema solar. Mas depois da descoberta de outros objetos astronômicos intrigantes semelhantes, mais profundos no distante cinturão de Kuiper, Plutão gelado foi reclassificado como um planeta anão.

Plutão tem cinco satélites naturais (luas) conhecidas, a maior é Caronte. Caronte tem cerca de metade do tamanho de Plutão, tornando-se o maior satélite natural em relação ao planeta que ele orbita em nosso sistema solar. Plutão e Caronte são frequentemente chamados de “planeta duplo”.

  • É um planeta gigante gasoso, sendo o quinto mais próximo de Sol e maior do sistema solar;
  • Distância do Sol: ~ 5 bilhões de km (5.000.000.000 de km), que corresponde a 40 UA;
  • Diâmetro do planeta: ~2,300 km;
  • Duração do dia: 153 horas terrestres;
  • Duração do ano: 248 anos terrestres;
  • Atmosfera: tem uma fina atmosfera de nitrogênio, metano e monóxido de carbono. A atmosfera tem uma tonalidade azul e camadas distintas de neblina.;
  • Temperatura: -228 à -238 °C;
  • Satélites naturais: 5;
  • Anéis: não possui.

Planeta Anão Eris

O Planeta Anão Eris é um dos maiores planetas anões conhecidos no nosso sistema solar. É aproximadamente do mesmo tamanho que o planeta Plutão, entretanto está três vezes mais distante do Sol. Inicialmente, Eris pareceu ser maior que Plutão, desencadeando um debate na comunidade científica que levou à decisão da União Astronômica Internacional em 2006 para esclarecer a definição de um planeta. Plutão, Eris e outros objetos astronômicos similares passaram a ser classificados como planetas anões.


Planeta Anão Makemake

O Planeta Anão Makemake está localizado no Cinturão de Kuiper e é um pouco menor que o Planeta Anão Plutão. Makemake é o segundo objeto astronômico mais brilhante no Cinturão de Kuiper, visto da Terra. Seu período de translação é cerca de 305 anos terrestres.


Planeta Anão Haumea

O Planeta Anão Haumea encontra-se no Cinturão de Kuiper e é aproximadamente do mesmo tamanho que o Planeta Anão Plutão. O Planeta Anão Haumea é um dos objetos astronômicos grandes de rotação mais rápida do nosso sistema solar. Seu giro rápido distorce a forma de Haumea, fazendo com que esse planeta anão pareça uma bola de futebol americano.


Nuvem de Oort

Acredita-se que a Nuvem de Oort seja uma nuvem em formato de espera localizada muito além do Cinturão de Kuiper. A Nuvem Oort ocupa um espaço a uma distância entre 5 e 100.000 UA. A parte externa da Nuvem de Oort defini o limite cosmológico do nosso sistema solar, juntamente com a influência gravitacional de nossa estrela Sol. Ela é composta de cometas que nunca se aproximaram do Sol.

Fonte: NASA


Dados obtidos do site da NASA https://solarsystem.nasa.gov/