Centro Integrado de Atenção à Saúde e Segurança do Trabalho – CIAST

O Centro Integrado de Atenção à Saúde e Segurança no Trabalho – CIAST é um setor, ao qual compete coordenar, executar e supervisionar as atividades relativas à saúde e segurança no trabalho.

O Centro Integrado de Atenção à Saúde e Segurança do Trabalho presta atendimento médico ambulatorial, em  nível de atenção primária, a servidores ativos, inativos, dependentes e terceirizados previamente agendados, assistência odontólogica a servidores ativos, inativos e dependentes e psicológica a servidores alunos e terceirizados; realiza exames médico periciais (perícia singular e junta médica) e através do serviço de Medicina e Segurança do Trabalho realiza exames periódicos, elabora e acompanha ações de vigilância aos ambientes e processos de trabalho.

Além dos atendimentos nas área já citadas o CIAST conta com a Comissão de Qualidade de Vida no Trabalho, criada em julho/2013 e que elaborou e implantou vários programas de Qualidade de Vida do Servidor da UNIFAL-MG dentre os quais destaca-se: Cessação do Tabagismo, Atividade Física (Karatê, Aikido, Ginástica Laboral, Caminhadas, Pilates), Saúde Bucal, Alimentação Saudável. Em 2017 novas ações além das já citadas vem sendo desenvolvidas pela Comissão de Qualidade de Vida no Trabalho, tais como: Preparação para Aposentadoria, Água é Vida (Hidroginástica) e Pilates Studio. Em 2020, continua com novas parcerias trabalhando pela Saúde, Segurança e Qualidade de Vida no Trabalho.

O CIAST – Centro Integrado de Atenção à Saúde e Segurança do Trabalho – foi criado em 1994, após a posse de três profissionais médicos: Denis Magalhães, Evandro Monteiro de Sá Magalhães, Frederico Maximiliano Antunes Rocha; duas psicólogas:  Andréa Martins Teixeira e Marina Carvalho Vieira da Costa e duas odontólogas: Adriana Esteves Mansano e Palmira dos Anjos de Carvalho as quais se juntaram a outra odontóloga Margarida Maria Correa Barroso.

Adotou os nomes de SAMOPAS  e SAMOAS relacionados com as funções exercidas pelos profissionais que o constituíam, Serviço de Assistência Médica, Odontológica, Psicológica e Assistência Social e Serviço de assistência Médica, Odontológica e Assistência Social, respectivamente.

Iniciou suas atividades no prédio D, em frente ao Posto da Caixa Econômica Federal hoje. Posteriormente, durante alguns anos,  funciounou no prédio E, onde, atualmente, é o Laboratório de Patologia. Nos dias atuais, o CIAST, órgão vinculado a Pró-Reitoria de Gestao de Pessoas localiza-se no prédio L (Extensão) com entrada pela Rua Vereador Marcílio Andrade, em amplas instalações com consultórios para atendimento médico, odontológico, psicológico e serviço de Medicina e Segurança do Trabalho.

Aparecida Azola Costa Ribeiro

Enfermeira do Trabalho – Chefe do CIAS

Alexssandro Ramos da Cruz

Engenheiro de Segurança do Trabalho

Ana Beatriz Macedo Vieira Costa

Odontóloga

Clério Sabino da Silva

Técnico de Segurança do Trabalho

Daniela Aparecida Tavares Aguiar

Odontóloga

Diego Azevedo Leite

Psicológo

Eduardo Floriano Lopes Santos

Médico

Evandro Monteiro de Sá Magalhães

Médico

Frederico Maximiliano Antunes Rocha

Médico

Gabriela Itagiba Aguiar Vieira

Médica

Joel Henriques de Oliveira Carvalho

Médico

Lidiane Lucas Ribeiro

Auxiliar de limpeza

Sueli Fernandes

Secretária

Serviço de Atenção à Saúde
  • Prestar atendimento clínico, em caráter de atenção primária à saúde ao público alvo.
  • Encaminhar às unidades de pronto-atendimento mais próximas os casos que exigirem maior complexidade.
  • Emitir laudos periciais singulares e por Junta Médica Oficial.
  • Realizar exames médicos admissionais e periódicos dos servidores ativos.
  • Participar das ações de promoção de saúde.
Serviço de Atenção Odontológica
  • Realizar exames e tratamentos odontológicos, em caráter de atenção primária à saúde ao público alvo, encaminhando para tratamento especializado quando necessário.
  • Emitir laudos periciais singulares.
  • Promover e participar de ações de promoção de saúde.
Serviço de Atenção Psicológica
  • Prestar atendimento em caráter de atenção primária à saúde, ao público alvo.
  • Participar das ações de promoção de saúde.
Serviço de Atenção em Enfermagem do Trabalho
  • Identificar fatores de riscos; realizar visitas técnicas.
  • Realizar medidas de promoção à saúde e de prevenção a doenças.
  • Registrar atestados médicos e agendar perícias odontológicas e médicas.
Serviço de Segurança e Medicina do Trabalho
  • Avaliar os processos de concessão de adicionais de insalubridade, periculosidade e outros adicionais a que o servidor estiver exposto, conforme a legislação vigente.
  • Emitir laudos e pareceres técnicos especializados na área de Engenharia de Segurança e Medicina do Trabalho.
  • Elaborar, implementar e coordenar Programas de Avaliação e Prevenção dos riscos ambientais e saúde ocupacional.
  • Registrar, analisar e identificar possíveis causas de acidentes em serviços;atuar em ações de promoção à saúde.
  • Elaborar Laudo Técnico de Condições Ambientais do Trabalho – LTCAT.
  • Analisar e registrar os acidentes de trabalho.
  • Especificar Equipamentos de Proteção Individual e/ou Coletiva; EPI’s / EPC’s.
  • Ministrar Treinamentos de Segurança do Trabalho.
  • Atuar em conjunto com outros profissionais da Equipe de Vigilância e promoção da Saúde do Servidor.
  • Avaliar, mediante solicitação, o ambiente, o processo e as condições de trabalho.

Atendimentos Médico, Psicológico, Odontológico e de Segurança e Medicina do Trabalho:
  • de 2ª a 6ª feira de 7:00 às 11:00 e de 13:00 às 17:00, com agendamento prévio.

Caso haja impossibilidade de comparecer à consulta marcada, gentileza informar ao CIAST com antecedência.

Telefone: (35) 3701-9201

Público Alvo:
  • Atendimento Médico: servidores ativos, inativos e seus dependentes* de 13 até 21 anos de idade, alunos e terceirizados.
  • Atendimento Psicológico: servidores ativos, inativos e seus dependentes até 21 anos de idade.
  • Atendimento Odontológico: servidores ativos e inativos e seus dependentes até 21 anos de idade.
  • Serviço de Medicina e Segurança do Trabalho: servidores ativos.

*Dependentes estudantes: até 24 anos de idade

Com objetivo de atender e padronizar a política de atenção à saúde e segurança do trabalho o Governo Federal em 2009, através do Decreto nº 6833 de 29 de abril de 2009, criou o Subsistema Integrado de Atenção à Saúde do Servidor – SIASS.  Este decreto mostra em seu Artigo 2º: “O SIASS tem por objetivo coordenar e integrar ações e programas nas áreas de assistência à saúde, perícia oficial, promoção, prevenção e acompanhamento da saúde  dos servidores da administração pública federal direta, autárquica e fundacional, de acordo com a política de atenção à Saúde e segurança do trabalho do servidor público federal, estabelecida pelo Governo”.

No dia 27 de novembro de 2015  após reunião do Reitor e Pró-Reitor de Gestâo de Pessoas da UNIFAL-MG com o Coordenador-Geral da rede SIASS foi criada a Unidade SIASS – Universidade Federal de Alfenas – UNIFAL-MG.

O SIASS tem atualmente como gestora Aparecida Azola Costa Ribeiro e como gestor substituto Alexssandro Ramos da Cruz.

A implantação de uma unidade de referência do Subsistema Integrado de Atenção a Saúde do Servidor – SIASS na Universidade permite a organização das informações sobre a saúde das pessoas que nela trabalham colocando o servidor público federal  nas estatísticas brasileiras em relação  à saúde.

Esta ação permitirá traçar um mapa sobre as principais doenças que atingem o servidor público federal e buscar sua prevenção, por meio de campanhas eações além de possibilitar a padronização das informações, para que tenhamos uma visão do conjunto. O controle dos dados referente às doenças poderá gerar saúde para o servidor.

O SIASS atua em três áreas distintas: Perícia Oficial em Saúde; Atenção à Saúde  e Assistência Psicossocial  e  Segurança do Trabalho  e Saúde Ocupacional.

Os serviços oferecidos pelo SIASS são  acolhimento, perícia em saúde e vigilância aos ambientes e processos de trabalho, promoção e prevenção.

Manual SIASS de Perícia Oficial em Saúde do Servidor Público Federal – 3ª Edição

O atestado médico ou odontológico deverá ser apresentado no prazo máximo de 05 (cinco) dias contados da data de início do afastamento.

Confira os fluxogramas e cartilha a seguir:

Fluxograma Atestado servidor(a) na condição de PACIENTE

Fluxograma Atestado servidor(a) na condição de ACOMPANHANTE

IMPORTANTE:

A perícia para justificar e oficializar a licença por motivo de doença em pessoa da família será realizada no familiar (paciente), com a presença do servidor(a) que está na condição de acompanhante. Caso o familiar resida em localidade distante da sede da UNIFAL-MG, o CIAST entrará em contato com a Unidade SIASS mais próxima do local onde se encontra o ente familiar para realização da perícia.

SIASS- Cartilha – Manual Básico 2020

A Comissão de Qualidade de Vida no Trabalho do Servidor da UNIFAL-MG, constituída pela Portaria nº 2214 de 31 de Outubro de 2013, vinculada à Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas/Centro Integrado de Assistência ao Servidor (PROGEPE/CIAS), é responsável pela elaboração e implantação do Programa de Qualidade de Vida do Servidor da UNIFAL-MG.

A melhoria das condições de vida e de saúde do trabalhador tem sido tema crescente nas organizações, já que é no trabalho que o ser humano passa  parte significativa de sua vida, daí a necessidade de assegurar que o trabalhador possa desenvolver atividades na busca de integração biopsicossocial, de controle de fatores de riscos ocupacionais que promovam seu bem estar integral. Qualidade de vida envovle inúmeros campos do conhecimento humano, biológico, social, político, econômico, médico, psicológico, espiritual, dentre outros, que se encontram em constante inter-relação. Buscar alternativas para a melhoria do nível de qualidade de vida do maior número de servidores possíveis dentro da UNIFAL-MG é uma das metas do Programa de Qualidade de Vida do Servidor da UNIFAL-MG.

O Programa de Qualidade de Vida do Servidor tem como objetivo geral esclarecer, informar e conscientizar os servidores sobre os cuidados com a saúde e sua repercussão na qualdiade de vida, proporcionando-lhe condições necessárias ao cumprimento do seu papel enquanto profissional e ser humano sob diferentes ângulos da dimensão biopsicossocial, desenvolvendo uma cultura organizacional de bem estar coletivo, ancorada na prevenção de riscos para a saúde, segurança e conforto dos servidores, desenvolvimento do funcionalismo e da valorização da função pública.

Portaria 2214 de 31 de Outubro de 2013

Portaria 801 de 25 de maio de 2020

Conforme Portaria Nº 863 de 10/06/2020.

Daniela Aparecida Tavares Aguiar

Odontóloga – Presidente da Comissão

Aparecida Azola Costa Ribeiro e Ribeiro

Enfermeira do Trabalho – Vice Presidente

Adriana de Oliveira Pereira de Castro Brito

Assistente em Administração

Alexssandro Ramos da Cruz

Engenheiro de Segurança do Trabalho

Aline souza Araújo

Assistente Social

Ana Beatriz Macedo Vieira da Costa

Odontóloga

Ana Claúdia Mesquita Garcia

Professor do Magistério Superior

Camila Pinhata Rocha

Professor do Magistério Superior

Clério Sabino da Silva

Técnico em Segurança do Trabalho

Crislaine Luisa Araújo

Psicólogo

Daniela de Cássia Pereira

Assistente em Administração

Débora Silva Barroso de Araújo

Assistente em Administração

Dennis William Abdala

Professor do Magistério Superior

Diego Azevedo Leite

Psicólogo

Evandro Monteiro de Sá Magalhães

Médico

Fernanda de Carvalho Vidigal

Professor do Magistério Superior

Fernanda Laurides Ribeiro de Oliveira Lomeu

Nutricionista

Flávia Della Lúcia

Professora do Magistério Superior

Frederico Maximiliano Antunes Rocha

Médico

Gabriela Itagiba Aguiar Vieira

Médico

Gabriela Otília Mendonça

Fisioterapeuta

Ivanei Salgado

Produtor Cultural

Joel Henriques de Oliveira Carvalho

Médico

Juliana Bassalobre Carvalho Borges

Professora do Magistério Superior

Juliana Guedes Martins

Professora do Magistério Superior

Julio Cesar Barbosa

Administrador

Leonardo César Carvalho

Professor do Magistério Superior

Luciene Alves Moreira Marques

Professora do Magistério Superior

Marcela Marília de Lima Castilho

Farmacêutico-Bioquímico

Marco Aurélio Sanches

Assistente em Administração

Cristiane Belo Araújo

Maria do Carmo Arantes

Rúbia Carla Penaforte de Vasconcelos

Patrícia da Cruz Ruella

Adriano Francisco Barbosa

Alexandre Vieira Rubim

Anayara Raíssa Pereira de Souza

Bruno Pereira de Souza Andrade

Leonardo Henrique Soares Damasceno

Wallace Figueiredo Gonçalves

Boletins Informativos publicados pela QVT, com notícias, avisos e orientações.

Promoção de Saúde Bucal na UNIFAL-MG – Sorriso Saudável

A promoção de saúde em Odontologia tem seu alicerce na prevenção, reabilitação, preservação e vigilância da saúde oral.

Este trabalho tem como foco a prevenção de doenças bucais, como as cáries, doenças periodontais e câncer. Acompanhamento do paciente portador de doenças sistêmicas  como, diabetes, hipertensão arterial. Orientação à gestante e pacientes tabagistas.

Coordenadora

Ana Beatriz Macedo Vieira da Costa

Odontóloga/CIAST

Coordenadora

Daniela Aparecida Tavares Aguiar

Odontóloga/CIAST

Grupo de Tabagismo – UNIFAL Livre do Tabaco

Este programa tem como objetivo principal apoiar os servidores, seus familiares e alunos da UNIFAL-MG, no processo de cessação do uso do tabaco e consequentemente, na preservação de sua saúde e melhoria na qualidade de vida.

O Projeto de Cessação do Tabagismo da UNIFAL-MG utiliza como ferramenta principal o Programa do Instituto Nacional do Câncer: “INCA LIVRE DO CIGARRO“, dentro do contexto de qualidade de vida e promoção de saúde.

Coordenadora

Aparecida Azola Costa Ribeiro e Ribeiro

Enfermeira/CIAST

Subcoordenador

Diego Azevedo Leite

Psicólogo/CIAST

Profissionais participantes

Ana Beatriz Macedo Vieira da Costa

Odontóloga/CIAST

Daniela Aparecida Tavares Aguiar

Odontóloga/CIAST

Evandro Monteiro de Sá Magalhães

Médico/CIAST

Fernanda Laurides Ribeiro de Oliveira Lomeu

Nutricionista/PRACE

Juliana Bassalobre Carvalho Borges

Professora/Curso de Fisioterapia

Pilates: Prevenção e Saúde

O projeto Pilates: Prevenção e saúde tem como objetivo promover qualidade de vida através do método Pilates, de conteúdos educativos e de aulas assíncronas, melhorando a saúde física e mental.

Coordenador

Dennis William Abdala

Coordenadora adjunta

Camila Pinhata Rocha

Preparação para Aposentadoria

Coordenadora

Aparecida Azola Costa Ribeiro e Ribeiro

Coordenador adjunto

Diego Azevedo Leite

Atividade Física na UNIFAL-MG: Corrida e Treinamento Funcional

O projeto “Atividade Física: corrida e treinamento funcional” tem por objetivo principal promover saúde através das aulas de treinamento funcional e pela postagem de conteúdo educativo sobre saúde e exercício físico.

Coordenador

Dennis William Abdala

Coordenadora adjunta

Juliana Bassalobre Carvalho Borges

Atendimento Nutricional Ambulatorial

O Projeto Atendimento Nutricional Ambulatorial (ANA) tem por objeto auxiliar em uma boa alimentação e melhor qualidade de vida, com informações científicas e educativas sobre o tema da nutrição. O Projeto ANA visa a promoção da saúde e da alimentação adequada e saudável a todos que o acompanham.

Coordenadora

Fernanda de Carvalho Vidigal

Coordenadora adjunta

Flávia Della Lucia

Praticando mindfulness e autocompaixão

Trata-se de um projeto de extensão para a oferta de práticas de mindfulness (atenção plena) e autocompaixão de forma remota à comunidade acadêmica da UNIFAL-MG e à sociedade de forma geral, com vistas a auxiliar na promoção de saúde mental dos participantes. O objetivo é ensinar aos participantes práticas simples de mindfulness e autocompaixão que, ao serem integradas no cotidiano, podem ajudar na melhora da qualidade de vida.

Coordenadora

Ana Claúdia Mesquita Garcia

Promoção das Relações Sociais no Trabalho

Coordenador

Diego Azevedo Leite

Parcerias com Projetos de Extensão do Curso de Fisioterapia:

Estudo da Postura e do Movimento, Yoga, Alongamentos, Ginástica Laboral, Massoterapia, Auriculoterapia, Condicionamento Aquático Terapêutico.

A caracterização da insalubridade e da periculosidade aos servidores que estejam expostos a riscos ambientais (físicos, químicos e biológicos), durante as atividades previstas na jornada laboral, respeitará as normas estabelecidas para os trabalhadores em geral, conforme disposto na Orientação Normativa nº 4, de 14 de fevereiro de 2017.

Cabe destacar que, para a concessão do adicional de insalubridade/periculosidade, deverá ser considerada a situação individual de trabalho do servidor.

Como solicitar adicional de insalubridade ou periculosidade:

  • O servidor(a) deverá abrir processo no SEI incluindo o formulário “Requerimento de Insalubridade/Periculosidade” devidamente preenchido, contendo a assinatura do servidor e da chefia imediata ou superior.

Fluxograma Requerimento de Adicional de Insalubridade

Anexos

Orientação Normativa nº 4, de 14 de fevereiro de 2017: Estabelece orientação sobre a concessão dos adicionais de insalubridade, periculosidade, irradiação ionizante e gratificação por trabalhoscom raios-x ou substâncias radioativas, e dá outras providências.

NR-15: Atividades e Operações Insalubres

NR-15 Anexo 11: Agentes Químicos por Limite de Tolerância

NR-15 ANEXO 13: Relação de agentes químicos / Avaliação Qualitativa

NR-15 ANEXO 14: Agentes Biológicos

NR-16: Atividades e Operações Perigosas

Decreto-Lei 1873/81: Dispõe sobre a concessão de adicionais de insalubridade e periculosidade aos servidores públicos federais, e dá outras providências.

Decreto 97.458/89: Regulamenta a Concessão dos adicionais de periculosidade e insalubridade

Decreto 877/1993: Regulamenta a concessão dos adicionais de irradiação ionizante.

Em breve.

Lei 8.112/1990: dispõe sobre o regime jurídico dos servidores públicos;

Regimento Interno da Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas, aprovado pela resolução nº 20 de 20 de abril de 2018.

Política de Atenção à Saúde e Segurança do Trabalho do Servidor Público Federal – PASS: institui diretrizes para a assistência (saúde suplementar), perícia em saúde, promoção e vigilância aos ambientes e processos de trabalho, sendo o SIASS – Subsistema Integrado de Atenção à Saúde do Servidor Público Federal parte essencial desta política;

Decreto Nº 6.833, de 29 de Abril de 2009: Institui o Subsistema Integrado de Atenção à Saúde do Servidor Público Federal – SIASS e o Comitê Gestor de Atenção à Saúde do Servidor.

Portaria Normativa Nº 6 de 23 de outubro de 2012, institui as diretrizes em Saúde Bucal do Servidor Público Federal;

Portaria Normativa Nº 3 de 25 de março de 2013, institui diretrizes de promoção de saúde do Servidor Público Federal;

Portaria Normativa 03/2010:  Estabelece orientações básicas sobre a Norma Operacional de Saúde do Servidor – NOSS aos órgãos e entidades do Sistema de Pessoal Civil da Administração Pública Federal – SIPEC, com o objetivo de definir diretrizes gerais para implementação das ações de vigilância aos ambientes e processos de trabalho e promoção à saúde do servidor.

Portaria Nº 801 de 25 de Maio de 2020: Dispõe sobre normas, diretrizes e ações no âmbito da UNIFAL-MG visando a qualidade de vida no trabalho.