Professora da UNIFAL-MG fala sobre desafios para a rotina das mulheres no período de home office e distanciamento social

A professora Aline Lourenço de Oliveira, do Instituto de Ciências Aplicadas da UNIFAL-MG, participou ao vivo do jornal Bom Dia Cidade, no dia 08/03, a fim de comentar os impactos da pandemia na rotina das mulheres. Na oportunidade, a docente destacou a disparidade de divisão de trabalho doméstico e os desafios ocasionados pelo distanciamento social.

“Neste momento em que todos estão em casa, e a rede de apoio foi reduzida com as escolas fechadas, o distanciamento de familiares e outras pessoas, as mulheres ficaram mais sobrecarregadas. Além do trabalho físico, precisamos também destacar a sobrecarga mental, que é invisível. Para um trabalho ser executado, várias etapas precisam ser pensadas, e toda essa elaboração gera sobrecarga mental, que causa um cansaço muito grande ao final do dia”, destacou a professora Aline Lourenço.

Na participação, a docente da UNIFAL-MG também falou sobre o acompanhamento dos filhos em casa, nas atividades remotas, e das consequências emocionais às crianças devido à redução dos espaços para brincar e à falta de contato com atividades lúdicas. “Neste momento de retorno às aulas presenciais, ou no sistema híbrido, a preocupação também passa a ser outra: deixar ou não o filho voltar à escola? É uma decisão muito difícil que cada família toma. É uma decisão dramática, seja ela qual for”, finalizou.

Confira a participação completa abaixo:

Disponível no link: https://globoplay.globo.com/v/9328989/

Copy link
Powered by Social Snap