TAE conclui mestrado na UNIFAL-MG com estudo sobre masculinidades e posturas feministas no curso de Pedagogia

Em dezembro, mais um servidor concluiu curso de pós-graduação pela Universidade. Dessa vez, foi o técnico-administrativo Diego Duarte Ribeiro, atual pró-reitor adjunto de Graduação, a conquistar o título de mestre em Educação. O certificado foi entregue no Gabinete da Reitoria pelo reitor, Prof. Sandro Amadeu Cerveira; e pelo vice-reitor, Prof. Alessandro Antônio Costa Pereira.

“Relações de gênero e formação docente: masculinidades e posturas feministas no Curso de Pedagogia da UNIFAL-MG” foi o título da dissertação desenvolvida por Diego, que entrevistou alunas e alunos do curso da UNIFAL-MG tendo como base a compreensão das relações de gênero como práticas sociais e apoiado no conceito de masculinidade hegemônica utilizado por Raewyn Connell. “Observou-se que a problematização/discussão sobre as relações de gênero durante o processo de formação docente, mesmo em um curso de graduação cuja maior parte do corpo discente é composta por mulheres, é imprescindível para a superação de práticas que privilegiam a masculinidade como padrão normativo”, explica.

Focado na área de concentração “Fundamentos da Educação e Práticas Educacionais”, o estudo contou com a orientação do professor André Luiz Sena Mariano e foi defendido em setembro para a banca formada pelo orientador e colegas professores: Daniela Auad (UFJF) e Romeu Adriano Silva (UNIFAL-MG).

Copy link
Powered by Social Snap