UNIFAL-MG mantém suspensão das aulas presenciais até 31 de dezembro; a decisão foi tomada por recomendação do comitê institucional de acompanhamento e prevenção da pandemia de Covid-19

Por meio de nota do Conselho Universitário, a UNIFAL-MG decidiu manter a suspensão das aulas presenciais até o final de 2020. A decisão considera a recomendação do Comitê de Acompanhamento e Prevenção da infecção pelo novo coronavírus (Covid-19). A Nota à Comunidade foi aprovada em reunião ordinária do Consuni, do dia 24 de agosto, e regulamentada pela Resolução nº 25, de 25/08.

Conforme a nota, a suspensão das aulas até 31 de dezembro está de acordo com as medidas tomadas pela UNIFAL-MG desde março deste ano, quando a Covid-19 foi declarada como pandemia pela Organização Mundial da Saúde (OMS).  Como forma de prevenção, as aulas presenciais foram suspensas no dia 17 de março e, na mesma data, foi instituída possibilidade de trabalho remoto para os setores administrativos da Instituição.

A decisão do Conselho Universitário acompanha a orientação do comitê institucional de acompanhamento e prevenção, instituído por meio da Portaria nº 473/2020. Na nota, o Consuni destaca que a atuação do Comitê é baseada em evidências científicas, na análise do contexto epidemiológico vigente, no cenário da pandemia da Covid-19 no estado de Minas Gerais e no aumento de circulação do vírus SARS-CoV-2.

A nota pública ressalta que a situação da pandemia é monitorada semanalmente e que as decisões tomadas pela UNIFAL-MG podem ser alteradas em caso de “mudança das condições de segurança sanitária e de controle da pandemia, assim como na propagação da Covid-19”.

As aulas de graduação e pós-graduação e a maioria das atividades administrativas da UNIFAL-MG, estão sendo realizadas remotamente por meio de tecnologias de comunicação e informação.

Confira a Nota à Comunidade da UNIFAL-MG.

Copy link
Powered by Social Snap