:: Suplemento da edição nº 15 – 31/03/2021 – Onda Roxa

Após duas semanas de onda roxa em Minas Gerais, o quadro epidemiológico geral ainda não melhorou significativamente. A variação das médias semanais de casos, internações e mortes comparadas com a de 14 dias atrás apresentam tendência de crescimento em Minas Gerais.

Mesma situação para o Sul de Minas e suas regionais de saúde, exceto para a regional de Pouso Alegre que apresenta tendência de estabilidade nas internações. No estado, a tendência que era de estabilidade nas internações piorou. Das 14 regiões mineiras a região Oeste e Triângulo Norte apresentam tendência de queda no contágio.

Na região Sul, todos os dez municípios mais populosos apresentaram aumento da média semanal de casos entre 17 e 31 de março. Nesse aspecto, de todos os municípios sul mineiros, 73% pioraram a situação, 4% ficaram na mesma e 23% melhoraram. Fato positivo foi o aumento de isolamento social registrado, que passou de 33% para 47% em Minas Gerais e de 32% para 47% no sul mineiro. Acesse o Suplemento 1 do Boletim 15 na íntegra.

Copy link
Powered by Social Snap