Discentes do campus Varginha realizam visita técnica ao Porto Seco Sul de Minas a fim de conhecer as atividades e funcionamento da concessão pública

Estudantes do Mestrado Profissional em Administração Pública (PROFIAP), da disciplina “Projetos Públicos”, e do Bacharelado Interdisciplinar em Ciência e Economia (BICE), integrantes da empresa júnior do campus Varginha, Valor Jr. , visitaram o Porto Seco Sul de Minas, em 07/11, acompanhados do professor do Instituto de Ciências Sociais Aplicadas (ICSA), Paulo Roberto R. Souza. A visita técnica teve como objetivo verificar o funcionamento, as atividades e as instalações da concessão pública, além de examinar a interseção de uma concessão pública para uma entidade privada e estreitar relações para futuros projetos e estágios para os alunos da Valor Jr.

De acordo com o Prof. Paulo, os visitantes foram recebidos por um funcionário do setor comercial que explanou sobre as características e funcionamento da entidade. “A visita foi muito importante porque, além de apresentar aos discentes uma concessão pública, funcionando em conjunto com a Receita Federal, Anvisa e Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, eles ainda visualizaram o condomínio tecnológico atuando em conjunto com estes órgãos e concessão, o CITILog. Essa atividade permite visualizar projetos públicos serem implementados na prática”, afirmou. O professor lembrou ainda que para os alunos da empresa júnior a visita também foi fundamental por proporcionar a percepção da grandeza do parque tecnológico, vislumbrando possibilidades de trabalhos em conjunto com as Instituições e Empresas.

O ex-aluno do BICE e atual aluno do PROFIAP, Luciano dos Reis Fabi,  relata que a visita foi uma experiência rica por dois aspectos principais: “observar a organização dos serviços prestados pela instituição e analisar, sob o ponto de vista da disciplina Gestão de Projetos, como operações complexas de exportação e importação podem ser geridas com precisão, mediante projetos bem planejados e executados”.

Já para a acadêmica do 6° período do BICE e integrante da Valor Jr., Luiza Marques Rivail, a visita a aproximou de “conhecimentos mais amplos das zonas secundárias aduaneiras, que economicamente têm entre as suas principais vantagens a redução de custos em seus processos e maior agilidade do desembaraço aduaneiro”. Segundo ela, foi interessante conhecer empresas que exportam e importam por meio do Porto Seco. “Ele é uma das melhores alternativas de fomento ao comércio exterior, podendo estar presente em todos as regiões do país e, até essa visita, eu não tinha ideia de que a cidade de Varginha sediava um Porto Seco”, disse Luiza.

Fotos: Arquivo pessoal do Prof. Paulo Roberto R. Souza

Colaboração: Paulo Roberto R. Souza, professor do Instituto de Ciências Sociais Aplicadas da UNIFAL-MG

Copy link
Powered by Social Snap