FAPEMIG lança Vitrine Tecnológica e inclui cinco depósitos de patentes da UNIFAL-MG

Projetos de tecnologia e inovação desenvolvidos na UNIFAL-MG foram selecionados para integrar a Vitrine Tecnológica da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (FAPEMIG), que tem como objetivo apresentar tecnologias produzidas por pesquisadores mineiros que podem ser exploradas comercialmente por empresas. A plataforma, lançada em 04/06, já possui mais de 100 oportunidades cadastradas, sendo que cinco depósitos de patente da Universidade estão publicados no site.

De acordo com a diretora da Agência de Inovação e Empreendedorismo, Profa. Izabella Carneiro Bastos, a iniciativa é uma ótima oportunidade para dar visibilidade aos projetos da UNIFAL-MG. “A Agência de Inovação e Empreendedorismo já possui uma vitrine tecnológica dos depósitos de patentes da nossa Universidade em sua página, porém a FAPEMIG pode proporcionar um maior dimensionamento, possibilitando maiores chances de parcerias com o setor industrial”, afirmou a docente que atua no Instituto de Ciência e Tecnologia (ICT).

A ideia surgiu devido à falta de canais que apresentem às empresas o conhecimento gerado nas universidades e centros de pesquisa de Minas Gerais. Segundo a notícia publicada no site da FAPEMIG, o objetivo é criar oportunidades para as empresas e colocar essas tecnologias no mercado por meio do desenvolvimento de novos produtos, processos ou negócios: “todas elas já possuem requisição de proteção intelectual perante os órgãos competentes, no Brasil e/ou no exterior. Ou seja, já possuem patente, registro de software ou de desenho industrial, dentre outras modalidades de proteção do conhecimento”.

Tais soluções tecnológicas abarcam vários setores econômicos, como alimentos, agronegócio, mineração, fármacos, energia, automotivo e autopeças, lácteos e café, software e tecnologia da informação. As cinco já selecionadas da UNIFAL-MG pela FAPEMIG estão relacionadas à área da saúde, como uma invenção que tem como primeiro objeto produzir um material para regeneração óssea com bioatividade e bioreabsorção superiores às hidroxiapatitas mais utilizadas em aplicações clínicas para preenchimento ou enxerto ósseo. A tecnologia desenvolvida por pesquisadores da UNIFAL-MG apresenta similaridade composicional ou microestrutural com o osso humano, proporcionando tempo de regeneração óssea inferior a 90 dias e elevando a capacidade de regeneração em defeitos ósseos críticos.

Duas invenções dizem respeito a novos compostos: um para resolver problemas relacionados às doenças neurodegenerativas, que demonstrou possuir importantes propriedades farmacológicas, e o outro aborda o desenvolvimento de novos fármacos inibidores de acetilcolinesterase, com estrutura inovadora, para o tratamento da doença de Alzheimer.

Há ainda a tecnologia de um novo polímero, um material seletivo de obtenção simples, barata e de alto desempenho, com capacidade de eliminar macromoléculas durante o processo de extração em fluídos proteicos, e o desenvolvimento de novos candidatos a fármacos anti-inflamatórios, com propriedades analgésicas, obtidos a partir das flores e folhas da Cassia spectabilis, planta ornamental, de fácil cultivo e muito comum no Brasil.

A expectativa é que as publicações na plataforma aumentem à medida que os Núcleos de Inovação Tecnológica enviarem novas tecnologias para atualização do portfólio. Também estarão disponíveis no espaço as soluções tecnológicas dos inventores independentes (aqueles que não são ligados a uma instituição de pesquisa), mas que são apoiados pela fundação.

Conheça a Vitrine Tecnológica da FAPEMIG clicando aqui.

Colaboração: Agência de Inovação e Empreendedorismo da UNIFAL-MG

Copy link
Powered by Social Snap