1ª Escola de Formação do Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas (PPGCF/UNIFAL-MG)

Entre os dias 15 e 20 de março, o Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas (PPGCF/UNIFAL-MG) promoveu a primeira edição da Escola de Formação, iniciativa destinada tanto a discentes de Graduação quanto de Pós-Graduação e idealizada pelos professores Rudy Bonfilio e Isarita Martins Sakakibara, da Faculdade de Ciências Farmacêuticas da UNIFAL-MG. Com palestras sobre escrita científica, ética e bioética, autocuidado, plágio, transição de carreira e inovação e propriedade intelectual, bem como apresentações das linhas de pesquisa e das normas do PPGCF, o evento on-line, feito em encontros síncronos no Google Meet, contou com a participação de 53 inscritos.

O objetivo desta edição foi apresentar e ampliar conhecimentos relacionados à pesquisa e à Pós-Graduação, tendo em vista que a formação de pós-graduandos demanda capacitação e domínio de múltiplas habilidades ao longo da trajetória acadêmica, a exemplo de conhecimento em profundidade de aspectos teóricos e práticos relacionados aos projetos de pesquisa; conhecimento das normas acadêmicas do Programa, especificamente; habilidade na redação de textos acadêmicos; conhecimento de normas de formatação de trabalhos acadêmicos; capacidade de comunicação; domínio de recursos de informática; postura ética; raciocínio lógico e crítico na condução de pesquisas; criatividade; postura profissional de resiliência; inteligência emocional; saúde física e saúde mental.

Aberto à comunidade, o evento permitiu a ampliação do conhecimento e interatividade multiprofissional para formação dos inscritos e promoveu a difusão de informações específicas por meio de palestras com professores da UNIFAL-MG e de outras instituições de Ensino Superior.

A 1ª Escola de Formação contou com o auxílio da coordenação do PPGCF, das professoras Fernanda Borges de Araújo Paula e Larissa Helena Lobo Torres Pacheco e da doutoranda Marina Prado Rubinho.

Saiba mais!

No 1° dia de evento (15/03), a orquestra Camerata Theophillus preparou uma apresentação para a abertura da Escola de Formação, e a professora Fernanda Borges de Araújo Paual, coordenadora do PPGCF, discutiu com os discentes o papel protagonista dos alunos na Pós-Graduação. A docente Marília Gabriella Alves Goulart Pereira, do Instituto de Ciências Biomédicas, apresentou as normas do PPGCF e a professora Gabriela Itagiba Aguiar Vieira, da Faculdade de Medicina, mostrou a importância do autocuidado para manter a saúde no período da Pós-Graduação.

A palestra “Formação de Cientistas e Escrita Científica de Alto Impacto”, proferida pelo professor Valtencir Zucolotto, da Universidade de São Paulo, iniciou o segundo dia de apresentações (16/03). Na segunda parte do evento, a doutoranda Marina Prado Rubino preparou uma recepção aos ingressantes, com interação entre os inscritos, e, na sequência, os discentes Dalila Junqueira Alvarenga (linha 01), Patrícia Ferreira Espuri Sepini (linha 02), Milton Kennedy Aquino Júnior (linha 03), Isabelly F. F. de Souza (linha 04) e Rodrigo Vicentino Plácido (linha 05) apresentaram seus trabalhos e as linhas de pesquisa do PPGCF.

Os bibliotecários Ronan Lázaro Gondim e Marcela Gonçalves Borges ofereceram treinamento sobre pesquisas bibliográficas e sobre o uso do portal de periódicos da CAPES no terceiro dia de evento (17/03). Na mesma data, o professor Fábio Antônio Colombo, da Faculdade de Ciências Farmacêuticas, mostrou um exemplo de software gerenciador de referências: o Mendeley.

Já no quarto dia (18/03), o professor Pedro Luiz Rosalen, do Instituto de Ciências Biomédicas, ministrou uma palestra sobre ética e bioética na pesquisa, seguido pelo professor Jamie Anthony Hawkes, da Faculdade de Ciências Farmacêuticas, que falou sobre inovação e propriedade intelectual e divulgou sua disciplina no PPGCF. Na sequência, o professor Mateus Freire Leite, também da Faculdade de Ciências Farmacêuticas, apresentou a Agência I9, da UNIFAL-MG, aos discentes.

No penúltimo dia da Escola de Formação (19/03), o professor Rudy Bonfilio falou, em apresentação, sobre o tema “Pesquisa Científica”, e a professora Isarita Martins Sakakibara ministrou uma palestra sobre redação científica de projetos e relatórios, que são documentos solicitados no PPGCF. Para encerrar a programação do evento, no dia 20/03, a doutoranda Marina Prado Rubinho abordou a temática “Segurança Química e Biossegurança”. Na sequência, o professor Marcelo Krokoscz, da Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado, promoveu uma interação sobre plágio acadêmico.

No período da tarde, a doutoranda Tássia Venga Mendes (doutorado sanduíche nos EUA) e o doutorando Matheus Pereira de Araújo (doutorado sanduíche no Japão) compartilharam suas experiências no Programa de Doutorado-Sanduíche no Exterior (PDSE), e o professor André Luís Morais Ruela, da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), compartilhou sua trajetória acadêmica desde o Mestrado até o Pós-Doutoramento, como egresso do PPGCF. A doutoranda Tássia Venga Mendes apresentou palestra sobre “Transição de carreira: como valorizar seu título fora do mundo acadêmico”.

Na cerimônia de encerramento, a Camerata Theophillus preparou uma nova apresentação. Foram feitos os agradecimentos da coordenação do PPGCF e da organização do evento aos participantes e um sorteio do curso de “Escrita Científica: Produção de artigos de alto impacto”, do professor Valtencir Zucolloto, tendo como contemplados os discentes Luiz Filipe Costa (mestrando) e Ana Letícia Caproni Bonilha (doutoranda).

Foto: Arquivo Pessoal/Profa. Isarita Martins Sakakibara

Colaboração: Profa. Isarita Martins Sakakibara da Faculdade de Ciências Farmacêuticas da UNIFAL-MG

Copy link
Powered by Social Snap