Em entrevista ao Portal Terra do Mandu, epidemiologia da UNIFAL-MG analisa dados da pandemia de Covid-19 em Pouso Alegre e no Sul de Minas

Com objetivo de divulgar as análises epidemiológicos da pandemia de Covid-19 em Pouso Alegre e no Sul de Minas, elaboradas pelo projeto “Perfil Epidemiológico e Indicadores de Saúde da Universidade Federal de Alfenas (INDCOVID)”, o Jornal Mandu News, do canal Terra do Mandu, entrevistou o epidemiologista Sinézio Inácio da Silva Júnior, professor da Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF) e coordenador do projeto, no dia 8/4, com transmissão ao vivo pelos canais do portal.

Na entrevista, o docente comentou os dados da vacinação em Pouso Alegre. Na cidade, os dados apontam que a imunização já interfere nas internações e mortes de idosos acima de 80 anos. O professor explicou que os foram obtidos com base nos dados epidemiológicos da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) e nos dados populacionais oferecidos pelo departamento de informática do Sistema Único de Saúde do Brasil, o DATASUS. Quanto ao avanço vacinal em Pouso Alegre, Sinézio Júnior concorda com a priorização da imunização dos idosos, devido ao risco de mortes nessa faixa etária e visando a diminuir a demanda por internações.

O professor também falou da taxa de letalidade da doença devido ao aumento de 129% de mortes de pessoas na faixa etária de 20 a 29 anos. Sobre  a “onda roxa”, o epidemiologista ressalta a importância dessas medidas de prevenção para “frear” a disseminação do vírus, principalmente, das novas variantes. “É uma medida difícil, não precisa nem dizer, em termos econômicos isso é um impacto muito sério […] [mas] os números se associam com essa medida mais restritiva”, enfatiza Sinézio Júnior.

As informações sobre o projeto e os boletins semanais podem ser acessados em Indicadores Covid-19.

Confira a entrevista completa:

 

 A entrevista está disponível no canal do Portal Terra do Mandu.

Copy link
Powered by Social Snap