“Cuidados Paliativos em Geriatria” é tema de informativo do projeto Comunicação e Informação em Enfermagem e Saúde

2019 / Volume 1 / Edição 1

Alguns estudos comprovam que o envelhecimento celular deixa o organismo mais suscetível, dando assim espaço para doenças crônicas degenerativas em que não se alcança mais o tratamento curativo e podem se prolongar por tempo indeterminado como: câncer, demência, doença renal crônica, insuficiência cardíaca, doença pulmonar obstrutiva crônica, fragilidade e outras. Com o surgimento dessas doenças pode haver sintomas e desconfortos que levam à perda da qualidade de vida, tanto da pessoa, quanto da família e cuidadores.

Os Cuidados Paliativos e a Geriatria possuem objetivos e conceitos muito próximos, pois ambos enfocam o cuidado na pessoa e não na doença, incluindo também a família e os cuidadores. São centradas na história, vontades e autonomia da pessoa e são cuidados expandidos até sua morte e depois no auxílio ao processo de luto enfrentado pela família, visando acima de tudo alívio e conforto maximizando a capacidade da pessoa.

O QUE É NECESSÁRIO PARA ESSE TIPO DE ASSISTÊNCIA?

É necessário a atenção de uma equipe multidisciplinar, que tenham sensibilidade, humildade, bom humor e capacidade de comunicação, além de competência profissional. Esse tipo de cuidado pode ser prestado nos diversos níveis de atenção à saúde: domicílio, Estratégia de Saúde da Família, Ambulatórios, Hospitais Gerais e Especializados.

PRINCÍPIOS DOS CUIDADOS PALIATIVOS E GERIATRIA

Reconhecer que o objetivo do cuidado é a pessoa e não a doença; promover a autonomia; intervir desde a independência até a total dependência; buscar otimizar a capacidade funcional com ênfase no conforto; exigir abordagem multi-interdisciplinar; identificar e valorizar as diferenças das pessoas; lidar com as comorbidades como situações próprias do fim da vida; aceitar a finitude do ser humano.

“O sofrimento só é intolerável quando ninguém cuida” – Cicely Saunders

Este informativo é produto do Projeto de Extensão: Comunicação e Informação em Enfermagem e Saúde, que tem por objetivo principal informar a população em geral sobre temas em saúde.

FONTES DE CONSULTA:

BRASIL, Sociedade Brasileira De Geriatria E Gerontologia, Vamos falar de cuidados paliativos, Rio de Janeiro, 2015.

MORAES N.T., DI TOMMASO A.B.G., NAKAEMA K.E., SOUZA, P.M.R., PERNAMBUCO, A.C.A. Cuidados Paliativos com Enfoque Geriátrico – A Assistência Multidisciplinar, São Paulo: Atheneu, 2014.

AUTORES: MUNHOZ, A.A.S.G.; CARVALHO, M.L.N; OLIVEIRA, D.S; MELO, C.P; RIBEIRO, J.F.; OLIVEIRA, P.E; MORAIS, B.S; SILVA, B.D.; PAIVA, E.M.C.; NASSIF, M.S.; FERREIRA, P.M; MELO, R N R.; FRANCISCO, S.C.; SILVA, G.C.N.; MELO, M.L.; ANTONELI , S.O; CHAVES, E.C.; SILVA, S.A.

COLABORAÇÃO: PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL – PET/ENFERMAGEM – UNIFAL; ESCOLA DE ENFERMAGEM; PRO-REITORIA DE EXTENSÃO.

Colaboração: Grupo do projeto de extensão Comunicação e Informação em Enfermagem e Saúde

Copy link
Powered by Social Snap